Desmame dos filhotes de cães

A partir dos dois meses, podemos separar os filhotes, definitivamente, de sua mãe, é o que se conhece como o desmame dos filhotes. É um bom momento, já que durante todo esse tempo, o cachorro vocês socializar de forma positiva, tendo-se em conta que o contato da puta, os outros cachorros, juntamente com o humano, pode ajudar a melhorar a socialização do pequeno can: jogam, competem por alimento, se adaptam melhor ao ambiente externo, etc

O desmame dos cães filhotes deve ser iniciado antes, ou seja, a partir do mês de idade; trata-se de separá-los por um tempo determinado de sua mãe, para que se acostumem a alimentar-se por si sós. É necessário realizá-lo de forma gradual, dessa forma podemos evitar transtornos em seu aparelho digestivo, tendo-se em conta que é muito delicado em tão tenra idade.

É recomendável, quando verificar que os cães comem sozinhos, começar a diminuir a alimentação da cadela, para que deixe de produzir leite e evitar que possa contrair mastite, ou seja, inflamação mamária por estagnação do leite. Dessa forma, o desmame dos chacorros cães deverá ser de acordo com a diminuição progressiva de ingestão de leite.

Os filhotes se alimentarão de preferência com uma ração comercial equilibrada, se é de alta gama, favorecerá o seu desenvolvimento; além disso, nesses primeiros dias do desmame, este tipo de penso é benéfico para a adaptação do organismo ao alimento sólido . Em caso de dar ao cão um alimento seco, podemos humedecerlo com água, dessa forma, os cães o tomam com melhor agrado.

Uma vez que os cachorros ingieran sem dificuldade alimento sólido, conclui o desmame dos filhotes, e chegará a hora da correspondente visita veterinária. O profissional experiente irá explorar o cão, nos marcará as diretrizes que devemos seguir para a desparasitação dos filhotes e também indicar-nos-á uma caixa de vacinação para imunizar os animais das principais doenças caninas.

Após a vacinação, o cão estará em condições de sair para o exterior, dessa forma vai começar a habituar-se ao ambiente humano, igualmente, conseguiremos que o cão se relacione, sem dificuldade, com pessoas e outros animais. Uma boa educação a uma idade precoce é essencial para que o próprio cão possa viver confortavelmente em um ambiente familiar. O treinamento básico, como andar com a correia, fazer suas fezes na rua, ou que atenda a nossa chamada, começará progressivamente a partir dos quatro meses de idade; antes, seu aprendizado será baseado no conhecimento do ambiente ao qual se vai acostumar, também, podemos começar a reprenderle, embora sem punição, se observarmos que realiza algum tipo de dano na moradia, dessa forma, irá aprendendo o nível hierárquico ao que tem de se submeter.