Animais de estimação cães e seu ambiente humano

O cão doméstico ao longo do tempo tornaram-se uma animal de estimação inseparável dos humanos, têm sentimentos, são sociáveis e seguem as ordens de seus amos, com o que o contato com o homem se realiza de maneira intensa; note-se também o seu carácter divertido, brincalhão, companheiro que segue, fielmente, a seu dono, todas essas boas facetas faz com que seja considerado como mais um membro do agregado familiar.

¿Adoptar un perro como mascota?

O cão é o animal de estimação de preferência, talvez seja por isso que, em outros tempos, ele foi considerado o melhor amigo do homem. A indústria especializou-se na produção de produtos exclusivos para cães: alimentação, higiene, medicamentos…, além de grande número de profissionais são especializados para prestar um serviço ao nosso amigo, o cão, clínicas veterinárias, cabeleireiros caninas, adestradores…., com o que seus hábitos se adaptaram a uma cultura civilizada, têm evoluído ao contrário de outras espécies que vivem em estado selvagem.

O material editorial para conhecer os cães é muito extenso, ainda existem disciplinas especializadas por sector, como é o caso da educação ou adestramento, uma autêntica profissão para os apaixonados na educação do cão. Os métodos para aprendizagem são muito variados e continua investigando para a resolução de problemas comportamentais e fazer com que a convivência entre o cão seja harmoniosa e customizável conforme vão mudar os tempos.

O cão, animal de estimação popular de preferência

O cão sempre foi o animal de escolha, em um primeiro momento, desempenhou um papel importante na medida em que auxiliaba nas tarefas de caça, ao mesmo tempo em que vigiava intensamente o ambiente de seu proprietário; com o decorrer do tempo, foi-se adaptando para ajudar os seres humanos em outro tipo de trabalho, dando lugar a diferentes tipos de água, em função da utilidade que desempenhe o cão: os cães-guias, cães de guarda, caça, cães de trenó, pastagem ou mesmo, destacam-se aqueles que desempenham tarefas humanitárias.

Entre suas qualidades impera a sua inteligência, aprenda rapidamente as ordens de seu mestre e adotam uma conduta social hierarquizada, em que sempre há um líder que seguir, no nosso caso, o homem; sem dúvida, a submissão do ser humano faz com que seja possível a sua educação, ao mesmo tempo que se reforçam os laços de amizade entre a can e o humano; e talvez por isso, o cão esteve sempre presente no desenvolvimento da civilização humana.

Cientificamente se lhe designa com o nome de Canis lupus familiares, termo atribuído pelo naturalista Lineu, em seu trabalho sobre nomenclatura binomial e que denominou: Systema naturae.