O gato no mundo da fotografia

Gatos Paradais Sphynx

Informações sobre os gatos, os seus cuidados e saúde, raças de gatos, genética felina. Fotos e vídeos.

Cabeçalho Direito

  • Animales
  • Perros
  • Centenas de
  • Répteis
  • Anfibios
  • Aves
  • Peces
  • Mamíferos
  • Sphynx
  • Perro pelo pecado
  • Invertebrados
  • Naturaleza
  • Viajes

Autor: Paradais Sphynx Deja un comentario

nesta página sobre gatos

  • 0.0.1 ¿Realmente es difícil fotografiar um gato?
  • 1.1 Mais informações sobre gatos, água, cuidados…

O gato já se apresentou em várias facetas relacionadas com a arte, do ponto de vista da fotografia também foram muitos os autores que escolheram os gatos para recriar alguma temática que esse minino é considerado como personagem principal.

A temática escolhida pelo artista para fotografar o felino doméstico é muito variada, por essa razão, apresentamos aquelas que consideramos mais relevantes no mundo da fotografia felino:

– Fotografia de retrato: nestes casos, o autor procura traduzir, em sua obra, a ternura, a beleza até mesmo a magia de felino que podem transmitir estes fantásticos animais, como é o caso de Elliott Erwitt e sua imagem «New York, 1953», a obra se aprecia o olhar de uma mãe para seu filho recém-nascido e um gato deitado sobre a cama.

– Fotos ilustrativas ou documentários: o fotógrafo enxerga um acontecimento real captado em um determinado lugar, o gato, claro, desempenha um papel relevante em toda a cena representada na fotografia, como é o caso de Harry Warnecke, que no ano de 1925, conseguiu captar uma imagem em que um policial decide parar o trânsito para que pudesse transitar pelo local uma gata e seu gato, que, aliás, transportava entre seus dentes (é a imagem que escolhemos para este post).

– Fotografias de fantasia, humor, fantásticas: fotos muito peculiares, onde o autor transmite uma temática fantástica, de humor e até mesmo subrealista e, claro, como era de se esperar, o felino de estimação tem especial dedicação para transmitir informações para a cena que representa o fotógrafo em sua respectiva obra. Algumas obras a título de exemplo:

– Dali surrealismo, obra de Felipe Halsman, de 1948, aparece na fotografia numerosos gatos suspensos no espaço próprio.

– Gatos radioativos de Sandy Skoglund, 1980, na obra observa-se numerosos gatos verdes convivendo com um casal de idosos.

é muito difícil fotografar um gato?

É óbvio que se trata de uma atividade que requer paciência, dedicação e alguns conhecimentos de fotografia, se o que se pretende é colocar uma peça profissional; embora o fã pode tirar fotos lindas e cheias de doçura, encanto, e por que não, cheias de graça e saleiro, sobre tudo para as posições e gestos que muitos mininos podem transmitir em sua vida cotidiana, o mais importante é encontrar a cena no ambiente em que se desenvolva o animal, estará mais comunicativo e relejado colaborando melhor em fazer uma boa fotografia.